18/12/2013

ECONOMIA CRIATIVA DÁ PASSO IMPORTANTE EM GOIANA

Você está em: AD Goiana > Notícias > ECONOMIA CRIATIVA DÁ PASSO IMPORTANTE EM GOIANA

1530338_658730670846453_1599405242_n

Trabalhadores da cultura, entre eles quilombolas, marisqueiras, artesãos, cordelistas, músicos, representantes do audiovisual, do teatro, etc, além de autoridades governamentais, participaram na manhã desta quarta-feira, no auditório da Agência de Desenvolvimento de Goiana, da 1ª Reunião Ordinária da Câmara Setorial de Economia Criativa de Goiana, um marco histórico para a cidade e a região, que tem por finalidade proceder à proposição e elaboração de políticas de apoio ao desenvolvimento dos Arranjos Produtivos Locais (APL’s) que compõem o setor da Economia Criativa em Goiana.

Na ocasião, ocorreu a palestra “Territorialidade e Economia Criativa”, ministrada por Isadora Tami, coordenadora de Desenvolvimento Territorial da Secretaria de Economia Criativa do Ministério da Cultura-MinC, que veio de Brasília exclusivamente para participar do evento.

Depois de um intervalo onde os presentes participaram de um café com prosa animado pelo som da banda goianense Macumbá, a presidente da AD Goiana, Micheli Barreto, fez apresentação sobre a autarquia e explanação das ações de Economia Criativa desenvolvidas em 2013. Já o produtor cultural e consultor em gestão de projetos de Economia Criativa, Luciano Gonçalo, conduziu os trabalhos que culminaram com a escolha da Comissão Executiva e aprovação da agenda da Câmara Setorial.

Anotadas as presenças no encontro de Taciana Portela, produtora cultural do audiovisual e do Instituto Delta Zero; Patrícia Reis, coordenadora de Economia Criativa da Fundarpe; e Risolange Rodrigues, da Associação das Tapeceiras de Lagoa do Carro e da Federação dos Artesãos de Pernambuco, entre outros.

A comissão executiva irá se reunir no próximo dia 06/01 (quando elegerá um coordenador) para discutir e iniciar a elaboração do Regimento Interno da Câmara Setorial. No dia 22/01 acontecerá a 2ª Reunião Ordinária, quando estará sendo apresentado o Regimento para avaliação, sugestões e aprovação pela Câmara Setorial.

A comissão é formada por integrantes do governo e do tecido cultural e ficou assim constituída: Philippe Wollney, do Movimento Silêncio Interrompido; Cristian Silva, da Banda Musical Curica; Ana Angélica, da Associação Quilombola de Povoação de São Lourenço; Marcello Mendonça, da Assessoria Técnica Especial da Prefeitura de Goiana; Edilson Oliveira, da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Artístico-Cultural; e Micheli Barreto, presidente da AD Goiana.

Vale lembrar que a mesma tem caráter temporário e o Regimento Interno é que definirá como será regida a Câmara Setorial, com a participação mais abrangente de todos os seus integrantes.

Assecom-AD Goiana